Período de Amaciamento é até 2000km

Li as mensagens de todos e parece que a razão do amaciamento são os itens comuns a todos carros (freio, pneus, transmissão, juntas homocinéticas)… e não me furto de fazer as seguintes perguntas:

  1. teremos que fazer 2000km de amaciamento toda vez que trocamos pneus ou pastilhas de freios, ou outro componente listado no fórum?
  2. porque nos carros à combustão não existe este rito se são os mesmos componentes?

Pretendia amaciar durante o Carnaval mas, como só as vendas funcionam neste Carnaval, só vão me entregar o carro na quinta feira e sexta feira tenho viagem de sampa para angra.

Procurei em toda Internet, alguma razão que diga que rodar em velocidade constante e velocidade alta (que no manual não fala de valor), nem a byd tem a informação e nem o manual parece ser confiável (já encontramos vários furos nele).

Alguém sabe como viajar durante o amaciamento pode prejudicar o carro e que velocidade alta seria essa?

Estou considerando ir na maciota … 100km/h no modo eco

1 curtida

@noaceshigh é basicamente não usar o carro no modo Sport nem ir em um Track Day nesse período :slight_smile:. Pode viajar tranquilo.

Sobre o período de amaciamento de EVs, as informações que colhi dizem respeito a isso mesmo: freios, pneus, juntas, caixa de redução etc. Não é tão crítico quanto nos carros a combustão como já comentaram aqui, é mais uma precaução em não forçar ao máximo algo que acabou de sair da fábrica.

Outros carros da BYD tem a mesma recomendação, como o Seal, então é uma prática do fabricante mesmo.

1 curtida

Imagino que seja isso mesmo.
Imagino que só precise pegar leve com o toque instantâneo…
Só ainda não entendi o problema da velocidade constante.

Pois é, achei estranho tb. Encontrei uma explicação no Reddit:

"Engenheiro aqui. O período de amaciamento é o que define o desgaste inicial nas peças, e como o desgaste acelera ao longo do tempo exatamente do mesmo jeito, esse desgaste inicial das peças vai definir o desgaste final mesmo depois de 160k rodados.

Eles querem que você continue subindo e descendo na faixa de rotações para garantir que as peças do motor, especialmente os principais rolamentos, desgastem uniformemente."

1 curtida

Parece que o carro ganhou potência, depois dos 2 mil km. No modo eco, eu achei mais esperto que o creta, agora que posso usar o modo sporte, prefiro andar no eco. No modo Sport, fica rápido demais.

2 curtidas

É basicamente uma “garantia” da fábrica pra si mesma. Se algum componente estiver mal colocado, tiver alguma trinca ou falha de fabricação, com esse rito a montadora força o motorista à não forçar seu carro nos primeiros km(por mais que seja um exagero 2k km). Mas é uma forma de se protegerem e do proprietário acompanhar a evolução do carro em caso de problemas. Em vez de fritar algum circuito ou cair uma roda, a pessoa vai sentir cheiro de queimado ou sentir o carro vibrando e puxando pro lado.

2 curtidas