Piloto automático consome mais?

Pessoal, alguém já fez o teste real ?

com o piloto automático ligado praticamente todo o percurso o carro consome mais ou consegue ser mais econômico ?

A resposta é dinâmica: depende de como você dirige versus como o motorista que está no carro à sua frente dirige… se você é pé de chumbo e o cara na frente vai de boa, você vai mais devagar e vai economizar. O vice-versa tb se aplica.

Acho que ele tá falando do cruise control e não do adaptative cruise control…

Minha experiencia com os carros todos até hoje é que o CC é mais eficiente que o pé, a uma mesma velocidade média…

Lembrando que durante o período de amaciamento o manual reccomenda não usar velocidade constante por muito tempo.

Falo com o cc adaptativo ligado mesmo… é melhor, em geral, do que no pé ?

Mas só o dolphin plus tem isso… e a resposta depende do transito à frente.

1 curtida

No piloto automático o carro não regenera a carga.

Uma coisa que eu percebi é que quando estou no ACC o carro praticamente não regenera em decidas, fica sempre na casa de -2kw a -4kw e quando estou dirigindo no pé passa de -8kw no mesmo tipo de decida, isso no modo de regeneração standard.
Sendo assim, acredito que quando estamos viajando em estradas com bastante retas e pouca variação de elevação, o ACC deve ser mais vantajoso, até porque são condições de pista que a gente tende a pesar um pouco mais no pé. Já em estradas com muito sobe e desce e com mais curvas o ideal será o ACC desligado.

1 curtida

Acho que ele faz isso pra não perder momento linear.

Pensei que poderia ser isso em um primeiro momento, mas ele geralmente embala em decida e ganha velocidade, então não faria muito sentido. Outra coisa que percebi ontem enquanto viajava, se ficar com o pé bem de leve em cima do freio durante uma descida, ele regenera as vezes 3x mais do que só no embalo.

1 curtida

Isso, são duas faces de uma mesma moeda. Quanto mais vc tá regenerando, mais vai ter que gastar energia pra retomar. Por isso acho que o piloto automático acaba sendo mais eficiente em uma mesma velocidade média.

Mas é puro achismo meu…

Eu levo isso em consideração também… mas eu coloco o pé no freio para o carro manter 110km/h 120km/h na descida, não mais que isso. manter mais que isso faria o carro subir um pouco mais na próxima subida, mas tem um outro ponto. passou de 130km/h o nivel de regeneração reduz. não sei porque, talvez como proteção ao motor.

1 curtida

O consumo de combustível possivelmente deve ter uma relação muito maior com o quanto você acelera do que com o quanto você freia. Tanto a aceleração ( conversão de energia química em energia cinética ) quanto a frenagem ( conversão de energia cinética em energia química ) possuem uma eficiência inferior a 100% . Então, teoricamente a maior economia de energia química possivelmente acontece em um cenário onde a velocidade do veículo é maior ao final das descidas e menor ao final das subidas, não a uma velocidade constante. No meu ponto de vista tanto o ACC quanto o ICA são itens de conforto. Um condutor humano que vise a eficiência e a segurança provavelmente terá um desempenho bem melhor que esses itens tecnológicos que ainda estão longe do ideal por sinal.

1 curtida

Eae Lucas!

Cara, do ponto de vista da transferência de energia, eu concordo que o humano possa ser mais eficiente que o piloto automático sim, mas faço uma observação: se mantiver a premissa de que o tempo de viagem deveria ser o mesmo (ou seja, velocidade média do piloto automático igual a média das velocidades que o condutor humano irá impor ao veículo), a tendência é que naturalmente o humano ultrapasse a velocidade média do CC e, naturalmente, durante esse período tenha perdas aerodinâmicas maiores também. Como a perda energética pelo atrito com o ar não é linear, é possível que a integral da função gasto energético vs. velocidade vs. distância também seja maior quando se varia a velocidade. Sacou?
Não sei se ficou claro dessa forma…

Toda segunda-feira eu faço o mesmo trajeto de 40 km de Marginal Tietê + Rodovia Ayrton Senna. Na ida eu sempre vou exclusivamente no pé de chumbo, e na volta eu sempre venho exclusivamente no ACC (quase nem coloco a mão no volante).

Os mesmos 40 km, os mesmos 50-55 minutos.

No pé a carga da bateria sempre cai 9%, enquanto no ACC uns 12-13%.

Essa é a minha experiência pessoal.

1 curtida

Aliás, quem de nós vai ser o primeiro a tentar esse truque. :stuck_out_tongue_winking_eye:

Bom, nao sei dizer o quão grande esse consumo é, mas no piloto automático, o computador gasta energia pra fazer todo o monitoramento e processamento de tudo que esta acontecendo em volta do carro, enquanto no piloto automatico desligado, seu cerebro que esta gastando energia pra isso kkkk

De 9% pra 12%, são 3%, que no dolphin plus equivale a 1,8Kw/H. É um consumo um pouco elevado pra um computador, mas é como eu disse, nao sei a potência eletrica que ele consome, nem os outros componentes periféricos do sistema. Então não da pra afirmar 100% que a forma de ele conduzir é menos econômica.

Mas legal sua experiência, sempre tive essa curiosidade da diferença de consumo, mas eu não tenho muita paciência de deixar no piloto automático. Sempre tem alguem mais devagar andando na frente, ai eu tenho que assumir pra fazer a ultrapassagem.