Consulta publica Corpo de Bombeiros sobre normas para Carregamento carro Eletrico inviabiliza essa tecnologia no Brasil?

Corpo de Bombeiros de São Paulo tem consulta publica sobre normas para instalação de carregadores para carros eletricos que praticamente inviabiliza essa tecnologia no Brasil …o que acham a respeito ? dspciconsultapublica@policiamilitar.sp.gov.br
Mande seu email para o endereço acima com sua opinião e sugestão…

2 curtidas

Edgard e todos do Fórum, atenção!!!

É muito importante todos lerem o conteúdo desta proposição do Corpo de Bombeiros e se manifestar na Consulta Pública, principalmente criticando as regras que estão querendo estabelecer para instalação de eletropostos (de preferência com embasamento de como isso é feito no resto do mundo) pois, como eles estão estabelecendo, vai se tornar inviável instalar eletropostos em praticamente todos os prédios e condomínios no Brasil, podendo até às complicações se estenderem para as residências…

Lembrando que, uma vez publicada, provavelmente no mês de maio/24, estas regras tornam-se leis, a despeito do que é estabelecido na norma ABNT NBR 17019 e também na legislação municipal de São Paulo sobre a obrigatoriedade de instalação de eletropostos nos novos projetos de prédios e condomínios.

Todos devemos nos manifestar nessa consulta pública para evitar as aberrações que estão previstas nessas regras propostas pelo Corpo de Bombeiros, que pode inviabilizar a mobilidade elétrica no Brasil…

Isso tem cheiro de armação!!!

Resumindo, isso parece mais uma ação coordenada pelos grandes interessados no fracasso da mobilidade elétrica no Brasil e temos que agir rapidamente para evitar essas catástrofe.

Respondam á consulta pública,pls!

1 curtida

Compartilho de sua analise e tambem acho que parece um planejamento arquitetado por governantes que se antipatizam com essa tecnologia por outros interesses aliados a montadoras tradicionais e que veem seus interesses ameaçados pelo crescimento do segmento.

Olá Edgar. Existia esse outro post sobre o mesmo assunto: Diretriz corpo de bombeiros para instalação de carregadores em predios

Realmente é importante nos manifestarmos. Vi poucas reações aqui no fórum. Não adianta estarmos revoltados com a proposta dos bombeiros se não fazemos nada para interferir com sua aprovação. Alguém já enviou o email para dar sua opinião? E se enviou, recebeu algum tipo de retorno? Eu me manifestei, porém não veio nem a confirmação de leitura.

Pois é Dani …
Não vi muita mobilização desse grupo para um assunto tão importante e que afetará todos os proprietarios de carros eletricos e que provavelmente se aprovado inviabiliazará essa tecnologia no Brasil.

1 curtida

Já enviei um e-mail me manifestando que as mesmas medidas de segurança para veículo elétrico devem ser adotadas para veiculos a combustão, devido aos componentes, filtro de combustível, e possibilidade de vazamento. Mas seria bom um auxílio de um advogado do grupo, poderia cria um texto ou tese, para que todos nós enviemos email

A impressão que tenho é que há uma pressão de um Lobby que inclui desde montadoras tradicionais que se veem ameaçadas pela entrada das gigantes Chinesas e até o proprio Governador Tarcisio que ja se mostrou avesso a essa tecnologia alegando que o futuro é o Hidrogenio e o Alcool.
Acho que essa medida se vier a ser aprovada é de um radicalismo desnecessário porque todas essas tecnologias podem conviver pacificamnete.

Eu entendo muito pouco disso e realmente não sei como contestar essa norma (nem o caminho, nem como deve ser o documento, nada). Acho que seria legal se a ABVE ou ABRAVEI montassem um modelo onde nós poderíamos enviar para lá, para fazer um barulho.

1 curtida

@jtneto Acredito que não precise ser nada de formal ou muito técnico. Se trata de enviar um email para dspciconsultapublica@policiamilitar.sp.gov.br manifestando sua contrariedade à proposta técnica. É principalmente uma questão de fazermos “barulho” para mostrar que existe um movimento significativo contrário à sua aprovação. O artigo da InsideEVs explica muito bem o teor da proposta e o que acontece no resto do mundo. Fazer referência a esses aspectos (nenhum outro país desenvolvido adotou esses tipos de requerimentos tão restritivos) já demonstra algum entendimento sobre a situação. O artigo é acessível aqui: Governo de São Paulo cria regra que pode inviabilizar carregadores públicos
A questão crucial é que esses requerimentos são tão onerosos que tornam economicamente inviável instalar um carregador em um lugar público. Daí, sem carregadores, ninguém mais vai se sentir confortável em comprar um carro elétrico (Vai viajar? Carrega onde?). Vai ser a extinção da tecnologia no Brasil. O resto do mundo evolui, nós vamos permanecer no século 20.
Vamos deixar a dissertação técnica para os mais preparados (talvez a própria BYD tenha montado alguma contra-argumentação detalhada e esteja fazendo Lobby também). Enquanto isso, vamos fazer nossa parte de mostrar que também temos uma voz e que estamos indignados. É isso. Obviamente, tudo tem que ser manifestado com educação e civilidade.

1 curtida

Eu acho um pouco exagerado, mas no lugar deles eu faria a mesma coisa… pensa SE acontece de algum carro incendiar no subterrâneo de algum prédio durante a noite, a tragédia que não ia ser… a chance de acontecer é baixa? Sim… mas SE acontecer, ninguem vai querer assumir essa bronca… E como eles sabem que de qualquer jeito alguem ia reclamar… eles ja chutaram o pau da barraca, e depois eles fazem algumas concessões pra acharmos que ganhamos alguma coisa ou que poderia ser pior…

O curioso é que quase todo mundo anda com.um.veículo que literalmente depende de explosão para funcionar, fora um tanque com líquido explosivo. Estes veículos pegam fogo em uma taxa muito maior que os elétricos (fora os mais novos e seguros, com nossos Dolphins com LFP). Até hoje não vi uma resolução de bombeiros para prevenção de incêndio severa. É lobby político… Vamos ver o q vai dar. Até porque daqui dois anos tem eleição e a quantidade de votos que ele vai perder será grande se isso for aprovado.

Mas acho que a preocupação é que o fogo do carro elétrico é difícil de apagar, ele meio que só apaga quando a reação química acaba, apesar de na teoria a bateria blade da byd não pegar fogo né… mas acho que só a byd e quem compra dela usa essa tecnologia. Sendo que na teoria o incêndio no a combustão, tem varias formas de se extinguir.

Mas concordo tambem que a possibilidade de lobby é altamente plausível.

Acho que vcs estão levando muito a sério isso e perdendo tempo e ficando nervosos à toa. Lembrem-se de que estamos em um país que tem leis que pegam e leis que não pegam. Se nem lá fora tem algo assim, acho primeiro dificil aprovar algo nessa linha aqui, e se aprovar não vai pegar.

Estatísticas mostram que um carro à combustão tem 100 vezes mais chance de pegar fogo que um elétrico. O que acontece é que nas raríssimas vezes que um elétrico pega fogo, a imagem viraliza, e fica parecendo o contrário. Precisa desmistificar.

Desculpe amigo…mas nao se trata de lei pegar ou não pegar …qual empresa, shopping, Condominio vai querer infringir uma norma do Corpo de Bombeiros? Ser multado?ou ate mesmo correr o risco de embargo ou ser impedido de funcionar?.

Você tem razão, eu estava pensando mais como PF. Mas ainda assim não consigo me preocupar com esse tema, acho as exigências da proposta tão absurdas e economicamente inviáveis que não tem como passar, ainda mais considerando que até hoje não há registros de incêndios de VEs no Brasil (segundo a InsideEV) e que “gente” grande como BYD, GWM, Volvo, BMW, que seriam afetados, devem estar trabalhando nisso.

Também acho meio desnecessário, não tenho fé que vai ser um e-mail nosso que vai mudar a opinião de alguém sobre esse assunto, vai ser gente que tem “interesses” bem maiores que os nossos. Sobre a estatística, é o que eu falei… raramente um avião “cai”, mas quando cai, é sempre ruim… e tem essa questão de preconceito e difamação dos elétricos tbm, que aos poucos está mudando…

Consigo imaginar o cenário onde essa coisa toda nasceu.
Algum figurão no corpo de bombeiros deve ter tido um incêndio no próprio bolso apagado pelo clubinho das montadoras assustadas e em troca tentou forçar goela abaixo a corporação a colocar essas regras ridiculamente exageradas.
Alguém com algum pouco de bom senso segurou a ação e inventou que precisava de uma consulta publica sobre o caso para não ter de bater de frente com o chefe comprado…
Mas o desfecho do caso é previsível.
A - eles não aprovam esse exagero ridículo usando a repercussão negativa das respostas.
B - eles aprovam forçadamente já que tem gente do alto escalão levando um troco. Logo na sequencia, empresas ligadas aos carros eletricos entopem a corporação de processos judiciais e a norma cai por terra por não ter nenhuma base substancial.

Falta a BYD fazer uma pressão na Globo, afinal chamou o Hulk para fazer propaganda. Aproveita e ja critica o Tarcisio , que não deu descontou de IPVA para elétrico, só falar que é contra inovação e meio ambiente. O medo de perder voto faz milagre

Gracas à Deus aqui em Pernambuco não tivemos problemas nemhum ,prédios e residências fazendo instalações a vontade,e o governo municipal do Recife instalou vários pontos de abastecimento gratuitos pela cidade , é so baixar o app new mobillity para saber a localização exata. Além dos pontos locazados nos shoppings das cidades. Estou amando meu carrinho,saudades zero do meu a combustão.

4 curtidas