Potência de Carregamento

Fala Rapaziada, tenho um Yuan Plus e coloquei pra carregar no shopping da minha cidade em um carregador Áudi de 22kw e ele carregou meu carro em 6.1 kW. Em casa tenho o que veio nele de 7,2kw e só carrega nos mesmos 6.1kw. Alguém sabe se isso é limitado a essa potência? Coloquei em casa uma fiação de 10mm (28m de distância da rede) disjuntor de 60ap , dr de 32 e o dps na rede principal.

é o limite do carro para carregamento AC, de toda a linha da BYD somente o Dolphin Plus e talvez o Seal conseguem carregar acima disso, chegando em 11Kw.
Para carregamento rápido, vc precisaria usar carregador do tipo DC. O Yuan deve aceitar carregamento de até uns 60Kw nesse sistema.

3 curtidas

No site da BYD informa que seu carro Yuan Plus carrega na AC 7Kw e na DC 80Kw.

Não sei se a informação de carga na AC está correta, pois no início a BYD divulgou que o Dolphin Plus aceitaria somente 7Kw e depois corrigiram para 11Kw. Pode estar ocorrendo a mesma situação.

O seu teste prático no carregador de 22Kw da Audi indica que só carrega a 7Kw. É um indício

No caso do Dolphin visualmente entre a versão que só aceita na AC 7Kw e a versão que aceita na AC 11Kw tem uma diferença física no local onde vc encaixa o carregador: a versão que aceita 11Kw tem 02 pinos energizados a mais.

Segue a foto do local que estou comentando

Pelo que vi no show room da revenda quando estive pensando na compra, nenhum carro tinha os outros 2 pinos de fase. Não tinha o Seal na epoca em exposição nem o Dolphin Plus que agora ja sabemos que tem 3 fases no plug, então o limite dele em carga AC é realmente os 7kw. Digo 6.1 que vc tem observado na prática.

No Dolphin Plus cheguei a pegar 9.3kw num carregador de shopping AC.
No wallbox de casa carrega habitualmente a 5.5kw.

1 curtida

eu coloquei o wall box de 22kw em casa para poder usar todo potencial do carregamento do Dolphin Plus e já estar preparado para outros no futuro. O máximo teórico do carregamento dele é 11kw, mas depende da voltagem na rede elétrica na hora e as perdas da conversão, nesse caso o meu chega a 9.4 aqui em casa, maior que já vi foi 9.5kw

Qual wallbox comprou? Como foi a instalação? Precisou de trifásico?

Algumas observações:

  1. Usando um carregador que permite regular a potência de carga, notei que, dependendo da potência escolhida, parece haver uma perda de 200 a 400 W. Por exemplo: com o display do carregador mostrando 2 kW, o painel do Dolphin Plus mostra 1.8 kW.
  2. Dependendo do estado da carga da sua bateria, dizem que varia a taxa de carregamento. Mas eu não sei se isso ocorre em potências baixas também.
  3. A potência de carga varia um pouco em AC. Logo que se conecta, mostra um valor um pouco mais baixo. O valor vai subindo bem devagar.

Alem da perca nos cabos e conexões, acredito que a perca maior ocorra no inversor interno do carro que transforma a tensão AC da rede na tensão DC da bateria… e acredito que essa perca seja proporcional… por exemplo, supondo que a eficiência do inversor seja 90%… 6000W no carregador, vai chegar 5400 pra bateria(-600W)… 3500W no carregador, vai chegar 3150W na bateria(-350W)… ambos os casos perde 10%, que provavelmente vira calor, e quando esquentar demais, vai ter mais uma perda quando o sistema de refrigeração acionar.

Não notei alterações da potência no wallbox. No DC 30KW só notei que baixou pra 16Kw acima de 90% e perto dos 98% caiu pra 12KW(no Plus, Gs vai ser diferente)

Acredito que ele comece devagar pra não dar um pico na rede, e não dar aquelas piscadas nas lâmpadas se o circuito nao estiver bem dimensionado.

Acredito que ele comece devagar pra não dar um pico na rede, e não dar aquelas piscadas nas lâmpadas se o circuito nao estiver bem dimensionado.

O BMS baixa a potência quando a carga total da bateria está baixa ou alta na tentativa de proteger as células. Nessa faixa elas sofrem maior desgaste. É aquela velha discussão de ser vantajoso manter a carga da bateria sempre entre 20% e 80% para aumentar a vida útil. Faz diferença, sim, mas depende de quão preservadas você quer suas baterias após X anos e se o seu uso permite que você faça isso. Ou o quão inconveniente pode ser pra você, claro.

Notei que o carregador / carro começa sempre com uma potência mais baixa e vai aumentando em alguns segundos. Depois continua aumentando por uns minutos. Deve ser pra evitar picos, também, mas principalmente como um procedimento de segurança.

sim, trifásico é essencial.
comprei um GWUYU JZ30 no aliexpress.

Fala pessoal, longe de ser um expert aqui, somente trazendo observações práticas.

Tenho 2 wallbox na garagem, ambos da BMW. Tenho uma BMW iX1 e um Dolphin Plus. Este carregador BMW diferentemente do BYD chega a 22KW/h, caso onde vc esteja carregando tenha a infra necessária.

Eu tenho estes carregadores instalados fase-fase-neutro, o que me dá no máximo 230v x 32a = 7,4KW/h. A iX1 carrega ao máximo 11KW em AC e 130KW em DC enquanto o Dolphin Plus a 11KW AC e 80KW DC.

No mesmo carregador, se plugo a iX1 obtenho potencia de carregamento de 7KW/h enquanto que no Dolphin Plus obtenho 5.7KW/h.

@Roluber @julio @Marcelo.Andrade entre outros gurus que temos por aqui, qual seria a explicação técnica para este comportamento?

Abraços!

Meu palpite seria a “qualidade”/eficiência do inversor interno do carro… quando voce recarrega o carro com AC o inversor do carro que converte pra DC e manda pra bateria…

O tipo de bateria também deve influenciar

Só o Dolphin Plus europeu (que é o que vende no Brasil).
Seal também não é trifasico e não carrega a 11kw (deveria ser né?)

Você pode explicar um detalhe importante.
Em qual região você mora?
Qual a voltagem de cada fase ? (110v, 220v)

@Roluber tudo indica ser que a potencia dos inversores serem realmente diferentes. Achei este artigo aqui interessante:

Todos questionam a potencia do carregador mas pelo jeito ninguém questiona a potencia do inversor… agora a outra dúvida que tenho é: um inversor “menos potente” sempre carregará a uma potencia menor? Ou seja, o fator de conversão sempre será menor? No meu caso relatado se eu estivesse usando um carregador de 3.7KW/h a BMW estaria carregando a 3.7KW/h enquanto o Dolphin Plus a 3KW/h uma vez que no carregamento a 7.4KW/h a diferença (7KW/h para a BMW e 5.7KW/h para o D Plus) ficou na casa de 20%?

Brasília, aqui é 220V e eu já tinha ligação trifásica no meu apartamento.
Tenho também geração fotovoltaica e pelo que sei aqui do DF eles só autorizam com ligação trifásica, provavelmente para cobrar mais na taxa mínima.

1 curtida

sim, cada carro tem seu inversor característico. O plus apesar de ligado no carregador de 11kw só carrega a 9,6kw

É a especificação técnica do inversor de cada carro. No Dolphin são 6,6kW para carregadores bifásicos e 11kW para trifásicos. O inversor da BMW trabalha no bifásico com uma potência um pouco maior. Esses são os valores máximos, para cargas mais baixas os dois devem carregar com a mesma potência (descontando as perdas)

1 curtida